Saturday, November 06, 2004

Onde está a urina?

É estranho postar algo tão bem disposto num dia em que, apesar de ainda mal ter começado, me sinto uma autêntica merda, mas graças ao blogger não ter estado a funcionar em condições, aí vai um post que devia ter sido lançado na quinta-feira. *sigh*

Onde está a urina?
Por estranha que pareça, esta foi uma pergunta que todos fizemos ontem na aula prática de Histofisiogia Animal, que acabou por ser uma das aulas mais estúpidas que já tive – e olhem que isso vindo de mim é dizer muito. Já a semana passada eu tinha ido para esta aula num estado que se aproximava do da loucura, mas esta semana parece que foi pior. Estavam a correr imensas histórias sobre o professor ser gay, e gostar de apalpar os músculos dos alunos, e o Citrus e o Vício estavam um bocadinho apreensivos (principalmente depois de terem ouvido o relato do Mike, que tinha tido aula no dia anterior, e que parece que se dedicou a manobras semi-matrixianas para evitar qualquer tipo de contacto físico com o profe), e eu e a Timli estávamos sempre a chateá-los a dizer que íamos ter montes de dúvidas só para chamarmos o profe para a beira deles. Bem, confesso que estávamos a actuar como completos idiotas, mas falando por mim, eu não estava em plena posse das minhas capacidades :P Chegamos à aula, o profe era baixinho, gordo, careca, tinha para aí uns 55 anos e era mesmo gay lol O homem está cheio de tiques, e a maneira dele falar era qualquer coisa por demais xD O Vício, ainda por cima, foi o que ficou à beira dele, porque a tela de projectar estava estragada e então o profe teve de trazer o rectroprojector para o fundo da mesa (ao pé do Vício) para projectar os acetatos na parede. Os minutos de introdução teórica foram muito custosos, porque toda a gente estava praticamente a trincar os lábios para conter o riso, e ao olhar em volta e ver toda a gente a fazer que escrevinhava no caderno, com os olhos rasos de lágrimas, e os ombros a tremelicar do esforço de conter os espasmos de riso, ainda tinha mais vontade de rir. É que o homem era mesmo cómico, falava imensamente rápido, com sotaque nortenho, e de uma maneira mesmo abichanada, de morrer a rir xD Tenho uma colega minha que consegue ser ainda mais cómica a imitá-lo, mas isso já é outra história. Depois de ele nos mostrar os acetatos todos, estivemos a ver preparações de ovário, testículo e rim. Tudo muito bem não estivesse o profe entretido a cantarolar, debruçado na mesa e com uma pose no mínimo estranha, ao pé do Vício. Eu e o Citrus bem espreitávamos pelo microscópio, em tentativas desesperadas de parar de rir, só que era impossível. Rimo-nos, rimo-nos, limpamos as lágrimas dos olhos, rimo-nos outra vez, olhávamos para a cara do Vício e ríamo-nos de novo... Enfim, uma galhofada. A partir daí não houve mais ponta por onde pegar na aula. Eu e o Citrus tinhamos regredido no tempo até ambos nos comportarmos como putos de infantário, ele a fazer-me cócegas e eu a abanar-lhe as mãos à frente da cara e a dizer “O ar é de todos! Não me podes tocar! O ar é de todos!”. Claro que nesta parte, o profe estava a passar mesmo atrás de mim e lançou-me um olhar muito intimidatório pelo canto do olho, por isso enterrei-me á grande. Estou sempre a enterrar-me nestas aulas :P Isto só causou novo ataque de riso ao Citrus, que declarou para quem quisesse ouvir “Tu és parva!!” ao que eu respondi “E tu és estúpido!”, e tivemos mais um daqueles diálogos dignos de qualquer sala da 1ª classe. Outra parte gira foi quando estávamos a ver uma preparação de testículo onde dava para ver uma massa enorme de espermatozóides, e diz o Citrus em alta voz “Eh lá, tanto esperma!!” lol uma rapariga que estava do outro lado da mesa olhou para mim com um ar incrédulo e depois partimo-nos as duas a rir. Depois de termos visto todas as preparações, chegou a parte gira da aula: fazer análises a urina. Weeeeeeeeeeeeeeeeeeeee! Havia 2 frascos para aí com 1 litro de mijo nojento e horroroso... Não sei como foi possível o homem arranjar semelhante quantidade de mijo, mas enfim. Um dos frascos tinha urina normal, e o outro urina de um indivíduo diabético – eu depois posto a foto de um dos frascos, está prometido :P Assim, metade da mesa ia fazer as análises ao frasco da urina normal, e outra metade à urina do diabético. O Citrus, claro, já se estava a rir com a expectativa de me ver pipetar a porcaria da urina, e espetou-me logo a pipeta e o tubo de ensaio na mão. Eu obriguei-o a chegar-me o repulsivo frasco e lá pipetei a urina com cuidadinho, não fosse aquela porcaria salpicar. Fui pôr o frasco na centrífuga, onde já estava o frasco da outra metade da mesa, e depois enquanto aquilo centrifugava tratei de espetar com a pipeta e tubos de ensaio nas mãos do Citrus, para ser a vez dele de pipetar – mas não sem antes esfregar as mãos pela camisola dele toda. Um rapaz da outra metade da mesa, que só por acaso é o mais veterano do meu curso, riu-se e comentou “Eh pá, vocês têm um medo disso...” lol Eu não tenho medo nenhum, mas aquilo é mijo repugnante, e quero ter o mínimo contacto possível com ele lol Principalmente quando estou sem luvas de laboratório! Se estivesse com luvas e bata é uma coisa, mas não sabia que íamos fazer este trabalho por isso não levei nada, estava completamente á civil a manipular líquidos perigosos. Bem, fizemos outras 2 análises enquanto a primeira amostra estava a centrifugar (detecção de glicose e albumina na urina, if you want to know :P), eu causei um pequeno acidente ao acender um fósforo... Não sei se terei energias negativas acumuladas, mas aquilo foi uma cena tipo Carrie, quando acendi o fósforo aquela merda quase que explodiu lol a turma parou toda a olhar para mim, eu pus o ar mais inofensivo do mundo, com um fosforozinho a arder, e só depois é que vi que um bocado do fósforo tinha ido acertar na pálpebra da Timli lol Coitada da rapariga, apanhou com um projéctil do meu fósforo explosivo :P Entretanto, a maldita centrifugadora lá parou e eu e o veterano fomos abri-la apenas para descobrir que o frasco do meu grupo tinha partido lá dentro. Great. Tivemos de preparar outra amostra, desta vez empurramos o dever de pipetar para o Vício, enchemos outro tubo de ensaio com água e lá foi tudo para a centrifugadora por mais 10 minutos. O profe entretanto tinha-se posto a ver o sedimento (quase inexistente) da amostra do outro grupo ao microscópio, mas naquela pose toda esquisita lol nós aproveitavamos o facto de ele não estar a olhar para nos rirmos à descarada xD Os do outro grupo também estavam perdidos de riso, o raio do homem ficou lá imenso tempo a procurar as cenas que era para ver, mas como não encontrou nada, endireitou-se quase ao mesmo tempo que a centrifugadora acabou. Entretanto o outro grupo já tinha acabado, assinaram e foram embora, e nós tiramos o nosso tubo da centrifugadora, e este não só estava inteiro como também tinha algum sedimento, coisa que nenhuma das outras amostras tinha. Ficamos ligeiramente orgulhosos do nosso piqueno sedimento (lol) e começamos a tirar à sorte quem é que ia tirar o sedimento e pôr numa lâmina para vermos ao microscópio. Estávamos nós a discutir quem deveria ser a fazer isso, e o Citrus disse “O Vício faz, porque o Vício tem mãos de médico” e neste preciso instante, o Vício “mãos de médico”, que estava com uma caixa de lâminas na mão, abriu a caixa pelo lado errado e eis que cerca de 30 lâminas de vidro caem desamparadas para o chão xD Ficamos todos siderados antes de começarmos a rir-nos descontroladamente, e para esconder um bocado isso, agachamo-nos todos – menos o Vício, que ainda estava numa pose semelhante à de um espantalho, e tentando não se mexer, uma vez que tinha apanhado algumas lâminas com o pé esquerdo - e pusemo-nos a apanhar as lâminas que tinham sobrevivido, e a juntar os cacos das que se partiram. O profe disse que não fazia mal nenhum, para não nos preocuparmos porque depois as auxiliares do laboratório limpavam, mas nós lá estávamos debaixo da mesa na risota xD Entretanto, as auxiliares de laboratório chegaram e começaram também a dizer para pararmos porque ainda nos íamos cortar. Aí, emergimos de debaixo da mesa, juntamos os vidros um bocado mais, e vimos uma das auxiliares varrer aquilo tudo. Quando, depois de já estarmos recuperados, nos preparamos para pipetar o sedimento (desta vez empurramos o dever para a madrinha do Vício, que também é da nossa turma), percorremos a mesa toda com o olhar e nada de tubos de ensaio. Olhamos, procuramos em todos os suportes, repetimos a pergunta “Onde está a urina??” vezes sem conta, a madrinha do Vício ao fundo da mesa de pipeta de Pasteur em punho, prepradíssima para pipetar o nosso lindo sedimento, e nada de urina. Demorou algum tempo até repararmos na auxiliar que estava na banca a lavar material de laboratório. A lavar tubos de ensaio. A lavar tubos de ensaio muito familiares. Ficamos embasbacados a olhar para ela, até que a outra deu conta da nossa aflição e perguntou “Aaah, precisavam daqueles tubos de ensaio? Já deitamos tudo fora... Foi tudo para lavar...” Ficamos mesmo tipo : Lol enquanto nós andávamos de rabo para o ar a apanhar as lâminas ( o Citrus realçou que para ele fopi uma posição bastante perigosa) elas foram ao cimo da mesa e lavaram tudo o que lá estava... lol lá ficamos nós sem urina... Não pudemos acabar o trabalho. O profe disse que voltávamos a fazer para a semana, por isso next week there’ll be more pee stories!! Eu fiquei descontrolada quando saí da sala, pouco mais conseguia fazer do que encostar-me às paredes e lutar para respirar por entre as gargalhadasm enquanto repeia estupidamente “Onde está a urina!!”. A Timli estava como eu, só o Vício não estava tão animado, porque nunca tinha partido nada nestes anos todos, e começou logo com uma caixa de lâminas (da qual a maior parte até nem partiu, mas fizeram um estardalhaço suficientemente assustador). O Citrus claro, também se vinha a rir à parva... Foi uma aula assim por demais, terrivelmente desastrosa e com alguns enterranços para mim, mas sem dúvida muito divertida :D

3 comments:

XTG said...

Ah expressão "à minha beira" tem um efeito qualquer estranho em mim lol, já quando vou visitar a minha madrinha a Mangualde e ela diz isso fico tudo estranho :)
Tens estado offline, espero que andes a curtir ai pela noite (naquele sitio maravilhoso que não me lembro o nome lol) ;) ***

Anonymous said...

Olha, eu adoro o teu blogg...pá mas qualquer dia dá-me uma coisa má à frente do pc...é com cada post, que esquece..maior que os Maias!!! :)

D. Cutty said...

:)