Friday, October 08, 2004

Ukurrale

Para aqueles de vocês que gostam de música de qualidade, na onda de Comme Restus e coisas do género, aconselho-vos a não perderem esta extraordinária banda, Ukurrale. Com letras bem originais e bastante emoção, e melodias harmoniosas como já não se ouviam desde os tempos de Bach, esta banda promete muito ao panorama musical nacional actual (desculpam lá, mas esta frase é de génio :P). Ou então não. Se calhar só é boa para se ouvir quando estivermos precisados de um sorriso lol No fim do post, está prometida a letra de uma das música. Ora quem é que me poderia introduzir a uma coisa destas? Só podia ser o rigormortis. Temos uma amiga nossa que faz amanhã o seu jantar de anos, e portanto tivemos de ir hoje arranjar uma prenda qualquer para não parecer mal. Há uma semana estávamos bastante mais preocupados, porque ia ser o aniversário da M&Ms e precisávamos desesperadamente da melhor prenda do mundo, e íamos ter de comprá-la sozinhos, sem a ajuda de mais ninguém - e deixem-me que vos diga que nós somos muito engraçados a comprar prendas. Uma célebre altura, uma colega nossa fez anos, e toda a gente empurrou a tarefa de comprar a prenda para cima de nós. Então nós, como forma de protesto (ou não, foi mesmo só porque nos deu na cabeça) compramos o livro mais verbalmente indecente e chocante que conseguimos encontrar e foi aquilo a prenda para a rapariga. Ela não se cansou de nos mandar mensagens a dizer como tinha adorado o livro... Foi tipo Twilight Zone, porque vocês não estou a ver, mas a rapariga era mesmo tipo "menina do coro" lol Foi excelente, e desde aí que nos dedicamos a dar prendas estranhas àquelas pessoas para as quais não fazemos ideia do que havemos de comprar mas que também não é assim tão importante. Relembro o famoso caso do filme pornográfico dentro da caixa de outro filme, para aqueles de vocês que já lêem o meu blog há mais tempo, já sabem qual é ^_^
Ainda há pouco tempo consideramos oferecer um taco de basebol a alguém :P Como o rigormortis diz, um taco de basebol é um óptimo elemento decorativo que fica bem em qualquer quarto. Adiante, a semana passada estávamos imersos em preocupação por causa da prenda da M&Ms, tinha de ser uma coisa mesmo excelente, e no final saímo-nos muito bem, acabamos por comprar 3 prendas hehe e ainda nem lhe demos a terceira. Bem, mas hoje não era tão preocupante porque não tínhamos aquele standard de qualidade a manter. Entramos na Bertrand e decidimos que havíamos de sair de lá com a prenda, fosse ela qual fosse. Vimos prateleiras e prateleiras de livros, sendo que o objectivo de hoje era o encontrar e comprar o maior livro que lá houvesse (em vez de, por exemplo, o mais verbalmente indecente) para que a rapariga não tivesse sequer coragem de o ler e assim nos dissesse que sim senhor, tinha gostado muito do livro, para não ficar mal à nossa frente quando lhe perguntássemos se estava a gostar. Sim, eu sei que nós somos um pouco loucos. Passamos imenso tempo nas prateleiras dos livros esotéricos a tentar arranjar alguma coisa possivelmente útil. O rigormortis pegou para lá num livro de magnetismo, ou lá o que era, eu peguei num livro qualquer de feitiços e pus-me a ver se encontrava o desejado feitiço de "Como tirar 20 em todos os exames sem ser necessário estudar, nem fazer um esforço de qualquer género", mas infelizmente (digam todos: ooooooooooh...) não encontrei. Encontrei um feitiço de invisibilidade, mas não era coisa muito prática de se fazer, uma vez que era preciso a cabeça de um homem morto, e enfiar-lhe feijões pretos nos olhos e coisas do género. Encontramos um livro que era o "Guia prático para a salvação no fim dos tempos", folheamo-lo mas não encontramos nenhuma indicação prática do que fazer no fim dos tempos :P Que palhaçada. Mas claro, dou aquele benefício de que é uma secção bastante rica em material para comentários sarcásticos e para histórias mirabolantes que nós gostamos de inventar para depois no futuro fazermos filmes. O rigormortis lemrou-se de que tinha ouvido falar de um livro chamado "A bíblia de Satanás" e que isso era óptimo para se oferecer a alguém, com um bocado de sangue de galinha salpicado nas páginas. Procuramos por isso mas não encontramos, encontramos antes um livro enorme, grande grande grande, chamado a Bíblia da Vida, que não era assim muito caro e ainda por cima preenchia o requisito de ser enorme. Não foi precisa muita deliberação para decidirmos que aquele era o livro a comprar. Claro que o rigormortis não pôs de lado a hipótese da Bíblia de Satanás e disse que isso ia ser para a próxima pessoa a fazer anos que não fosse eu, nem a Litha, nem a M&Ms (que fez anos há uma semana, portanto dificilmente lhe ia calhar o livro a ela). Escangalhei-me a rir com um comentário que ele fez depois de eu me ter referido a nós como "pessoas relativamente normais", que foi: "Sim, nós somos pessoas relativamente normais que daqui a umas horas vamos estar no site da amazon a ver se encontramos algum livro chamado Bíblia de Satanás, e eu a perguntar à minha avó se está para matar alguma galinha para breve para poder usar o sangue.". Well, normality is overrated anyway. O próximo aniversário comunitário é dia 15 de Novembro, portanto até lá there's plenty of time to get the book >=) Claro que duvido que façamos a parte do sangue, mas pronto, já oferecer o livro vai ser giríssimo, *muahuahuahauah* is there anything better than creeping people out? >=) O tempo hoje no Porto esteve interessantíssimo, numa viagem de autocarro vi para aí uns 3 ou 4 climas diferentes: sol aberto, enevoado, ventos ciclónicos e chuva torrencial. O trânsito, claro, ficou caótico, e eu vim de comboio para a terrinha, com o rigormortis, e foi aí que ele me pôs a ouvir Ukurrale no seu magnífico MuVu. As músicas são mesmo de partir a rir, pelo menos eu ri-me, e tendo em conta que o meu estado de espírito não é o melhor ultimamente, isto até é dizer muito ^_^ Aqui vai a letra de uma das musiquinhas mais clean:

Ukurrale
Estou no Telhal
Era uma chuvosa,
Terça-Feira
Em que tudo me corria mal
Eu estava em casa,
Isolado do mundo
Mas, eis que tocam à campainha
Espreitei pelo buraco,
Vejo algo de manhoso, e disse:
“Não, a droga não está aqui”
(mas não era a P.J. era o Sr. do Círculo de Leitores)
Que me queria vender os “3 porquinhos”
Já tenho 7 edições, penso que não preciso de mais nenhuma, muito
obrigado…
E ele fulminou-me a tromba
Um morteiro,
Mandou-mo,
Directamente para o chão da cozinha
Estou mutilado,
Já não tenho uma face simétrica,
A minha tromba está uma lixeira!
Aquela porra,
Fodeu-me o centro da tromba
E depois…
Fui internado
No Hospital do Telhal
Não… não não sou
Eu não não sou,
Um mutante de tromba reles
Sim, sim eu estou
Sim eu estou
Internado no Telhal
Foste tu!
Foste tu!
Foste tu!
Que me transformaste neste animal
Não… não não sou
Eu não não sou,
Um mutante de tromba reles
Sim, sim eu estou
Sim eu estou
Internado no Telhal
Foste tu!
Foste tu! (aí foste tu, meu cabrão!)
Foste tu!
Que me transformaste neste animal

3 comments:

XTG said...

1 - Ukurrale já é assim meio "antigo" :p

2 - Todas as meninas do coro só estão é à espera da oportunidade para mostrarem o quão wicked elas são, no surprise there, trust me :)

3 - Um taco de baseball fica realmente bem em qualquer quarto :)

4 - "Well, normality is overrated anyway" ---> o que me fez lembrar "Sand is overrated" o que me fez lembrar o Eternal Sunshine... já viste??? VÊ VÊ VÊ VÊ"!!! :P

****

music2004 said...

pois....eu prefiro musica ;)

nakamura_michiyo said...

XTG: eu não conhecia Ukurrale! Ganhaste, conhecias há mais tempo ;) O Eternal Sunshine of the Spotless Mind está na minha lista de afazeres, talvez vejoa quarta feira ou quinta, porque hoje tive um dia muito busy e amanha tambem vou ter, no fim de semana mal me cheguei ao pc... Mas vou ver, até porque a Litha também me deu altas recomendações do filme...
Sim, e ao que parece as mais santinhas... não o são! lolol ************
Mixxxel: tks pela visita! :)